O que está procurando?

BLOG

Voltar

Corujas do Bem: 5 ações sociais pra você ajudar sem sair de casa!

  • Time Coruja

11/05/2021 por Nathalia Pimenta

Tempo de leitura: 2 min

Mudar o mundo pode começar com um gesto simples, uma atitude que parece pequena, mas vai fazer enorme diferença na vida de alguém. Por isso, criamos o Corujas do Bem, uma iniciativa da UNISUAM que visa promover e divulgar projetos sociais decisivos para a sobrevivência ou para a melhoria da qualidade de vida de muitas pessoas. 

👉 Confira, a seguir, 5 projetos incríveis: 

#1. Projeto Social Thelma Costa 

O projeto social Thelma Costa surgiu de um grande sonho de sua idealizadora e coordenadora. Atualmente, o projeto Thelma Costa ajuda em torno de 80 mulheres e 25 crianças que não têm condições de fazer aulas de jazz e dança. 

 “Eu sempre gostei de balé, jazz e teatro, mas na minha juventude meus pais não tinham condições de me proporcionar essas aulas”, conta ela. 

 

 

A ideia do projeto surgiu logo que Telma começou a ganhar o próprio dinheiro. Assim, com o apoio de algumas pessoas, ela iniciou com as aulas.

“Com certeza é uma forma de me sentir realizada”, afirma ela. 

As aulas acontecem na Estrada do Lameirão Pequeno, em Campo Grande, e no bairro de Santa Rita, na quadra Borba BNH, também em Campo Grande.

Há diversas formas de contribuir. Seja com doações, sendo voluntário ou oferecendo algum curso ou atividade. Para ajudar, entre em contato direto com a Telma, via WhatsApp, (21) 969609365, ou entre em contato pelo perfil no instagram @projetosocialthelmacosta2020

#2. Projeto Pensando em você

O Projeto Pensando em Você ajuda comunidades carentes do Rio de Janeiro, hospitais, orfanatos, asilos, moradores e animais de rua e atua nos lixões de Gramacho e São Gonçalo, 

Idealizado por Ricardo da Silva Souza, o projeto foi criado justamente pensando nas pessoas e animais que necessitam de ajuda de alguma forma. 

Inicialmente, Ricardo resolveu acolher um pequeno grupo de crianças que ficavam pelas ruas de bairros próximos ao seu e passou a oferecer atividades pedagógicas, recreativas e culturais de qualidade.

Atualmente, o trabalho do Pensando em Você é doar cestas básicas, roupas, sapatos, medicamentos, abraços, empatia e sorrisos.

 

 

“Todo ano, escolhemos alguns projetos independentes, dentro de algumas comunidades, para abraçar e fazermos parcerias, uma grande festa de Páscoa, Festa Junina, Dia das Crianças e Natal, com apadrinhamentos doando presentes e roupas para as crianças carentes”, explica ele.

Qualquer pessoa pode ajudar, doando o seu tempo, compartilhando os pedidos de ajuda ou, até mesmo, com alimentos, roupas, sapatos e rações. 

Quer ajudar o projeto Pensando em Você? Acesse o perfil @projetopensandoemvoceoficial

#3. Campanha de Solidariedade do DCE 

A campanha de solidariedade do DCE é um projeto tocado pelo Diretório Central dos estudantes da UNISUAM em conjunto com outros estudantes que se voluntariaram para a construção da campanha.

O projeto acontece através de reuniões online e montagem das cestas na sede da Associação dos Estudantes do Rio de Janeiro e visa ajudar os próprios estudantes da UNISUAM de qualquer unidade, que se cadastrem no formulário. 

O DCE arrecada doações financeiras e alimentos e monta as cestas básicas e kits de limpeza para distribuir.

Qualquer pessoa pode ajudar doando a quantia que puder, alimentos, itens de limpeza e máscara ou divulgando a iniciativa. Os estudantes que quiserem ajudar podem se cadastrar como voluntário no formulário disponível nas redes sociais do DCE para contribuir com a montagem e distribuição das cestas. 

Entre em contato com o perfil do DCE no instagram e participe! @dceunisuam

👉 Duas vakinhas virtuais que podem salvar vidas

#4. Ajuda Janine Nunes 

A Janine é ex-aluna da UNISUAM, formada em ADM. Aos 19 anos de idade, ela descobriu um câncer raro e agressivo localizado no seu cotovelo direito. Embora a solução apresentada tenha sido a amputação do braço, Janine resistiu. 

Com muita luta, determinação e incontáveis sessões de quimioterapia, ela venceu o câncer sem precisar amputar o braço. 

 

 

No entanto, pouco tempo depois, um novo baque: o câncer voltou. Dessa vez, no osso. E, agora, os medicamentos e sessões de quimioterapia e radioterapia já não apresentam resultados. Desse modo, a solução é a amputação. 

Para ajudar com o tratamento, os custos de medicamentos e prótese, foi criada uma vakinha virtual, que ficará aberta por tempo indeterminado! 

Ajude você também! 🔸 Vakinha para ajudar a Janine Nunes 🔸

#5. Ame o Gabriel 

Gabriel é filho de um aluno da UNISUAM. “Ame o Gabriel” é um projeto e uma vakinha online para pagar um remédio milionário! 

A história começa em 2020, com o nascimento de Gabriel. Os seus pais viveram um sonho com a chegada do menino tão amado e esperado por toda a família. 

Porém, aos 6 meses, durante uma visita ao Pediatra, foi identificado um possível atraso no desenvolvimento motor da criança. 

 

 

Depois de inúmeros exames e muitas consultas a diferentes Médicos e especialistas, veio a descoberta, Gabriel foi diagnosticado com AME – Atrofia Muscular Espinhal. 

AME é uma doença neuromuscular caracterizada por degeneração e perda de neurônios motores da medula espinhal, resultando em fraqueza muscular progressiva e atrofia.

O tratamento mais eficaz da AME é feito com um medicamento produzido fora do país, chamado Zolgensma. Mas, o medicamento custa em torno de R$ 12 milhões de reais e o menino só pode tomar o remédio até os 2 anos de idade. 

Por isso, os pais do Gabriel contam com a ajuda de todos que puderem participar da vakinha online. Essa é a grande oportunidade de mudar a vida do Gabriel. 

Então, caso não possa doar, se puder compartilhar já estará contribuindo. 

🔸 Ajude: Ame o Gabriel 🔸

Por Nathalia Pimenta

Jornalista apaixonada criação de conteúdo, internet, memes, e comunicação em tempo real! Mãe de Pet, viciada em Netfilx, geminiana e autora dos livros "Jornalismo Literário e o Drama das Narrativas Reais" e “Vermelho Intenso”

comentários

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
English French Portuguese Spanish