fbpx

O que está procurando?

BLOG

Voltar

Como é o mercado de trabalho para quem faz Direito?

Uma das áreas mais tradicionais do Brasil é bastante exigente quando se trata de profissionais qualificados.

  • Nota 10

28/04/2022 por Carolina Grimiao

Tempo de Leitura: 2 minutos

O Direito no Brasil se inicia com a colonização portuguesa. Ou seja, é uma das áreas mais tradicionais do país e também uma das mais conceituadas, porque tem um campo de atuação vasto e com grandes possibilidades de ascensão. Ainda que a quantidade de bacharéis na profissão só aumente, existem diversas especificações dentro da carreira que podem trazer boas oportunidades. 

 

 

Sem contar que, conforme a sociedade se atualiza, a área também precisa de constantes atualizações, o que faz com que o profissional do campo jurídico tenha que estar sempre atento a tudo que acontece e às leis, emendas e projetos que estão sempre passando por revisões. Resumindo, o Direito é para quem se vê como um agente atuante na sociedade, com todas as suas questões, causas e impactos nos mais variados temas.

 

 

A carreira jurídica tem diversos ramos de atuação, tanto na esfera pública quanto privada. O Bacharel em Direito pode ser advogado, promotor, magistrado, defensor, procurador, delegado, consultor, mediador, conciliador, árbitro e assessor. E dentro das especializações, o profissional pode caminhar pelo Direito do Consumidor, Penal, Civil, Trabalhista, Contratual, Ambiental, Tributário, Empresarial, Digital, Eleitoral, Imobiliário, Desportivo, Rural, Direitos Humanos e Propriedade Intelectual. 

 

 

Com tantos caminhos, o importante é ter uma base sólida e bem construída. Para a Coordenadora do Curso de Direito da UNISUAM, Professora Adriane Barbosa Oliveira, um bom profissional da área deve ter características que conversem com a contemporaneidade: “Proatividade, domínio nas mídias tecnológicas, interdisciplinaridade. Além de conhecer o Direito, é preciso desenvolver outras habilidades não só técnicas como pessoais. Habilidades comportamentais, relacionais e criativas, são algumas das soft skills. É preciso mudar a mentalidade para um mundo digital que se abre.”

 

 

O Ensino como um diferencial

 

Com um sistema de ensino diferenciado, o MUDE, a Graduação em Direito da UNISUAM é separada por módulos em conhecimentos específicos, permitindo que o aluno tenha experiência com a prática desde o início. Para a Professora Adriane, o diferencial de um curso tão tradicional com um modelo próprio é proporcionar o melhor aos futuros bacharéis:

 

 

“É o compromisso que a faculdade tem em estar sempre à frente com meios de ensino que possibilitem aos alunos um ensino de qualidade. Estamos sempre inovando, buscando parcerias, aprimorando nossos projetos de pesquisa e extensão, buscando meios dos alunos se envolverem nas demandas sociais da comunidade em torno da faculdade.”

 

👉 Saiba mais sobre o MUDE: o Modelo Único de Ensino da UNISUAM!

 

O retorno é sempre muito positivo com uma ótima adesão pelo mercado: “O principal é a advocacia. Mas, muitos alunos da UNISUAM também buscam o aprimoramento profissional na própria academia. Inclusive, no ano de 2022, contratamos no nosso corpo docente, dois alunos egressos. É motivo de orgulho e também sentimento de dever cumprido por estar formando profissionais de excelente qualidade”, comemora Adriane.

 

Conheça mais sobre a Graduação em Direito da UNISUAM e esteja pronto para o mercado de trabalho!

Por Carolina Grimiao

Analista de Comunicação do Blog UNISUAM. Jornalista, Historiadora e Psicopedagoga. Mestranda em Comunicação pelo Programa de Pós-Graduação em Mídia e Cotidiano da UFF. Apaixonada por Educação e Cultura Popular.

comentários

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
English French Portuguese Spanish
X

Nosso site está enfrentando instabilidades.
Algumas informações podem não estar disponíveis no momento.

Oi, está com dúvidas?
Fale conosco!