fbpx

O que está procurando?

BLOG

BLOG

Voltar

A Coruja: conheça a história do símbolo da UNISUAM

Inspiração para a marca da Instituição, ela atravessou gerações e virou uma referência do Centro Universitário.

  • Nota 10

04/05/2022 por Carolina Grimiao

Tempo de Leitura: 3 minutos

Símbolo da inteligência e da sabedoria, a coruja tem significados que combinam com quem busca crescer e ver além, alcançando vôos mais altos. Ela tem a capacidade de enxergar através da escuridão da noite e também simboliza a reflexão e o conhecimento racional e intuitivo. Na mitologia grega, Athena, a deusa da Sabedoria, tinha a coruja como símbolo,  assim como Minerva, na mitologia romana. 

Essa relação cheia de significados começou na UNISUAM no final da década de 1960. O fundador, Professor Arapuan Medeiros da Motta (in memoriam), era um apaixonado pela ave e foi o próprio autor do símbolo que viraria a marca do futuro Centro Universitário. A Professora Ana Cristina Monteiro da Motta Cruz, que é filha do fundador e Chanceler da Instituição, lembra bem como foi acompanhar essa criação:

“Eu era pequena e via meu pai desenhando a Coruja. Foi tudo idealizado por ele, já com a intenção de se tornar uma marca. O objetivo sempre foi transformar vidas, dar oportunidades para que as pessoas possam voar e crescer”, diz a Chanceler, que frisa que a Coruja, ao passar do tempo, foi se tornando um artigo de coleção.

Corujas da coleção

                                     Corujas da coleção

Segundo a Professora Ana Cristina, as pessoas trazem corujas de decoração de todas as partes do mundo, passando de mil o número de souvenirs recebidos ao longo dos anos. Algumas, inclusive, são peças raras, como uma vinda do antigo World Trade Center, nos Estados Unidos. Outra curiosidade é que o antigo fundador não deixava ninguém encostar nas corujas: “Ele não deixava ninguém limpar as peças, só quem tivesse extremo cuidado”, relembra a Chanceler.

Marca para a vida toda

Arapuan da Motta Netto é o atual Reitor da UNISUAM, filho da Professora Ana Cristina, neto do fundador, e que mantém esse legado de histórias e de consolidação de uma imagem que virou referência: “A marca nunca mudou. As letras se modernizaram, mas o traço continua sendo o original. Hoje, ser Coruja é um sentimento de pertencer ao Ninho. Acho que a gente conseguiu engajar a comunidade acadêmica. As pessoas já associam a Coruja a nossa marca”.

Confira abaixo um dos primeiros logotipos da UNISUAM:

Logo Suam

O logotipo atual:

Logo UNISUAM

Viviane da Rocha Nascimento é a Designer responsável pela mais recente reestruturação da identidade visual da marca, que está em todas as artes e produções da Instituição. Sobre essa missão, a profissional explica como é repensar a ideia original aos tempos contemporâneos:

“Manter o legado da tradição da marca UNISUAM alinhado à modernização é um desafio muito grande. Estamos em constante mudança para acompanhar as tendências de branding atuais. Mesmo tendo mais de 50 anos, somos reconhecidos como uma marca jovem, atual e moderna. A coruja é um símbolo muito forte e tentamos sempre utilizar em nossas comunicações, tanto verbais quanto visuais, para ficar cada vez mais presente no dia a dia do nosso público.”

A Coruja está estampada em todos os lugares e, no início, era uma iniciativa dos próprios alunos ao produzirem placas de formaturas das primeiras turmas que estão, até hoje, fixadas nas paredes da sede, em Bonsucesso. Atualmente são brindes, objetos e acessórios que fazem o aluno vestir a marca e levar a identidade da UNISUAM para todos os lugares.

Placa UNISUAM

      Placa comemorativa dos alunos da primeira turma de Direito

Moletom da UNISUAM com a marca estampada

Moletom da UNISUAM com a marca estampada

#BoraFazer UNISUAM!

Por Carolina Grimiao

Analista de Comunicação do Blog UNISUAM. Jornalista, Historiadora e Psicopedagoga. Mestranda em Comunicação pelo Programa de Pós-Graduação em Mídia e Cotidiano da UFF. Apaixonada por Educação e Cultura Popular.

comentários

Fernando Moura | 22/11/2023 à13 16:40

Olá, Gilson. Tudo bem? Sim, temos programas de Mestrado, Doutorado e Pós-Doutorado. São os Programas de Pós-Graduação Stricto Senso em Ciências da Reabilitação e Desenvolvimento Local. Você pode saber mais neste link: https://www.unisuam.edu.br/pos-graduacao-stricto-sensu/

Gilson Correia Cabral | 21/11/2023 à16 10:50

Enquanto estudante do médio, na escola João XXIII em Viana, Luanda/Angola, já o irmão Pepe José Sobreiro, salesiano missionário argentino em Angola na altura 2007...falava da coruja como símbolo da filosofia. Muitas foram as pesquisas por mim feitas até chegar a esta informação. Sinto-me grato. Agora, enquanto licenciado em Filosofia pela Universidade Católica de Angola, pela sua Unidade Orgânica ISDB, gostaria saber se nesta vossa Instituição temos mestrado e onde fica?

Lucia Helena dos Santos lyra | 25/10/2023 à58 10:06

Amei conhecer a história da minha faculdade, fico muito feliz em fazer parte dessa história e agradeço por estarem ajudando a construir meu futuro. Amo fazer parte desse ninho 🥰🙏

Gisele dos Santos Oliveira | 13/03/2023 à23 11:34

Gostei muito da Universidade que é referência do meu bairro: Bonsucesso. Não conhecia a história do símbolo e sua importância cultural.

Fabiana Ferreira da Silva | 09/03/2023 à12 16:28

Ótimo obrigada pela oportunidade de conhecer Uma história tão linda parabéns a todos envolvidos nesse projeto maravilhoso

Claudia Cunha | 11/05/2022 à02 15:31

Muito interessante conhecer a história da coruja . Ela é um símbolo para nós e nossos alunos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Oi, está com dúvidas?
Fale conosco!

X
Entrada Formas de Ingresso
X
Home, Graduação, Formas de Ingresso, Vest Solidário
X
Entrada Graduação 1
X
X
X
X
Entrada Formas de Ingresso
X