fbpx

O que está procurando?

BLOG

BLOG

Voltar

Escola de Comunicação discute consumo em edição 2023 do Conexão Reflora

Escola de Comunicação da UNISUAM debateu temas importantíssimos para a sociedade.

  • Agenda / Rolou por aqui

05/10/2023 por Fernando Moura

Tempo de Leitura: 2 minutos

“Vivemos uma crise eco civilizatória e mais que reciclar precisamos, repensar”. São palavras da professora Carla Mota durante abertura da edição 2023 do Conexão Reflora que aconteceu no último dia 27 de setembro. Carla faz a curadoria do Reflora com a autoridade de quem pesquisa o assunto há bastante tempo e traz informações com dados que impactam a plateia. “Este ano o Conexão Reflora buscou jogar luz sobre as soluções da economia criativa, trazendo atores desta cadeia de valor, apresentando empreendedores sociais e cases que expressam novas formas de produção e consumo, repensando a relação entre as pessoas e o meio ambiente“.

Palestras, debates, ativação de marcas e parcerias conectaram alunos da Escola de Comunicação, Marketing e Design Gráfico, dos turnos da manhã e noite, a temas cada vez mais caros à humanidade. Na parte da manhã, Luís Cassiano, Adriana Durante, Silvia Blumberg e o coordenador da Escola de Comunicação da UNISUAM, Gercton Coitinho, mostraram um pouco de seus projetos sociais e as mudanças que ainda precisam ser feitas dentro das iniciativas ambientais.

O palestrante Luís Cassiano falou sobre o seu projeto, disse que o “Teto Verde Favela” foi criado a partir de uma necessidade, por sentir muito calor dentro da favela, voltou sua atenção para as mudanças de temperatura e para a necessidade de qualidade de vida. A professora de arquitetura Adriana Durante mostrou seu projeto de obras urbanas dentro de comunidades periféricas do país, e que incentiva o trabalho em conjunto entre os moradores: “Eu trabalho hoje no mutirão do meu vizinho e amanhã o meu vizinho vai trabalhar no mutirão da minha casa! ” E, a designer e educadora ambiental, Silvia Blumberg, palestrou sobre as influências do consumo provocadas pela cultura e chamou atenção para a necessidade das embalagens adequadas para reciclagem e reaproveitamento.

Na segunda parte, durante a noite, o evento contou com mais palestrantes e parceiros. A Vegana Retinta, empresa que faz salgados veganos e ABS Costumiza, empresa de vestuário upcycling. Seus representantes falaram sobre projetos tocados com propósito e entusiasmo. Outra palestrante da noite foi a professora Adriana Leal, nutricionista, fundadora da AL Curadoria de Projetos e integrante da Gastromotiva, uma cozinha solidária que transforma por meio do alimento, ou seja, cuida do desenvolvimento humano. Adriana explicou a todos o que é segurança alimentar e chamou atenção para dados preocupantes, como o de haver 33 milhões de brasileiros passando fome e o Brasil ser o país com maior índice de obesidade infantil.

O evento contou ainda com a participação das empresas AB Beauty Academy, formação em Beleza, que distribuiu brindes e da Bauny Cosméticos, seus profissionais maquiaram (produtos veganos) os modelos e alunos que desfilaram roupas feitas e customizadas por eles mesmos, a partir de peças usadas. A proposta foi trazer uma releitura sustentável e inclusiva para a moda inspirada nos anos 2000. Depois disso tudo, Anderson Augusto, aluno do curso de publicidade, afirmou que a mudança de postura diante do consumo de roupas se tornou urgente. “Daqui para a frente vou repensar soluções para evitar o descarte incorreto e desnecessário. ”

A Escola de Comunicação contou com a parceria do curso de Estética da UNISUAM, que cedeu o espaço dos seus laboratórios e os alunos, orientados pela professora Dione Bento criaram penteados e maquiagens.

Venha para a UNISUAM e decole a sua carreira!

Por Fernando Moura

Assistente de Comunicação das redes e Blog UNISUAM. Jornalista e Pós-Graduado em Comunicação e Marketing em Mídia Digitais.

comentários

Mariáh | 11/10/2023 à04 10:02

Senti falta do texto citar o projeto UP, responsável pelo desfile upcycling. O desfile foi o ponto alto do evento, muita gente comentou isso, e infelizmente só citaram o desfile como um pequeno acontecimento. Acho que para falarmos de um assunto tão importante, como sustentabilidade, temos que trazer de forma atrativa, se não vira só um "papo chato" como a maioria das pessoas pensa ser. O desfile trouxe isso, deu um brilho para o evento. Mas o texto deixou a desejar, faltou isso, esse tchan, pareceu querer apagar o desfile. O aluno responsável pelo projeto também não foi citado, triste ver que iniciativas de alunos aparentemente não são tão reconhecidas pela universidade. Mas foi legal a professora Carla por trazer pautas tão importantes a serem discutidas. E parabéns aos alunos envolvidos no projeto Up, parabéns pela iniciativa, desejo sucesso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Oi, está com dúvidas?
Fale conosco!

X
Entrada Formas de Ingresso
X
Home, Graduação, Formas de Ingresso, Vest Solidário
X
Entrada Graduação
X
X
X
X
Entrada Formas de Ingresso
X